segunda-feira, 18 de abril de 2011

3Ddica - PROTOTIPAGEM RÁPIDA - O que é??

"Com a tecnologia de prototipagem rápida, a peça é desenvolvida em um software 3D e enviada para uma máquina de prototipagem a laser que reproduz tridimensionalmente o modelo sólido gerado pela modelagem virtual." (Aline Miranda adaptando de Antonio Augusto Gorni /Editor Técnico, Revista Plástico Industrial)
Modelo em 3D - Aline Miranda
Traduzindo... se vc possui um desenho, foto ou até mesmo sua peça já pronta, basta nos enviar para que façamos a digitalização (modelagem 3D) desta peça, em seguida, encaminhamos o arquivo correspondente à sua peça para a empresa de prototipagem que vai "materializa-lo". A máquina de prototipagem funciona como se fosse uma impressora em tres dimensões...
Veja as informações mais técnicas....


O processo de prototipagem rápida é um processo "aditivo", combinando camadas para se criar um objeto sólido, por isto, este processo permite a criação de objetos com características internas complicadas que não podem ser obtidas através de outros processos como, por exemplo, usinagem (fresamento, furação, torneamento, etc.), que são processos "subtrativos", ou seja, removem material a partir de um bloco sólido.  
Veja abaixo a descrição dos dois exemplos mais utilizados no setor joalheiro.

PROTOTIPAGEM

Fonte da imagem: Empresa BQZ
Estereolitografia (SLA, Stereolithography): este processo constrói modelos tridimensionais a partir de polímeros líquidos sensíveis à luz, que se solidificam quando expostos à radiação ultravioleta. O modelo é construído sobre uma plataforma situada imediatamente abaixo da superfície de um banho líquido de resina epóxi ou acrílica. Uma fonte de raio laser ultravioleta, com alta precisão de foco, traça a primeira camada, solidificando a seção transversal do modelo e deixando as demais áreas líquidas. A seguir, um elevador mergulha levemente a plataforma no banho de polímero líquido e o raio laser cria a segunda camada de polímero sólido acima da primeira camada. O processo é repetido sucessivas vezes até o protótipo estar completo. Uma vez pronto, o modelo sólido é removido do banho de polímero líquido e lavado. Os suportes são retirados e o modelo é introduzido num forno de radiação ultravioleta para ser submetido a uma cura completa.

PARA A INDUSTRIA JOALHEIRA, temos as seguintes resinas disponíveis:
  • Resina p/ fundição: São resinas especificas para prototipar o modelo da jóias através do processo de fundição por cera perdida. São indicadas para peças de alta definição e de superfícies extremamente lisas e atenção ao detalhe. Ideais para aplicações especiais, tais como marcas d'água e pedras pre cravadas no modelo. Além de reduzir a fase de acabamento manual e garantir fundição direta com um simples tratamento térmico.(fonte BQZ)
  • Resina p/ vulcanização: Usada especificamente para vulcanizar direto no molde de borracha/silicone como se fosse o piloto em prata. É indicada para peças com superfícies lisas e atenção aos detalhes por possuir um alto desempenho para criação de matrizes.(fonte BQZ)
 BENEFÍCIOS
A união da modelagem virtual (3D) com a tecnologia de prototipagem rápida proporciona vantagens que vão desde maior fidelização do desenho até economia de  tempo, custos e recursos em toda a cadeia que se segue.

  • Precisão,
  • Uniformidade,
  • Pré-visualização,
  • Pré-cravação,
  • Qualidade,
  • Redução de peso...
O protótipo (em resina) substitui o modelo em cera no processo de fabricação da jóia com vantagens como a possibilidade de redução do uso de material na peça final devido ao controle de algumas medidas milimétricas impossíveis de serem executadas artesanalmente, isto por que esta tecnologia lhe permite a determinação de uma espessura de chapa uniforme... assim, é possivel produzir peças mais leves, mas que não tenham a aparência de peças leves. 

Além disto, o processo oferece a vantagem de uma avaliação prévia da elaboração da forma da peça e sua cravação, que pode utilizar ainda a pré-cravação. 

 

A pré-cravação consiste na distribuição e demarcação das pedras sobre as garras e chapas, favorecendo a qualidade, beleza e eficiência desta cravação. Com ela, é possível cravar as pedras diretamente nos modelos em cera da árvore de fundição.

Veja mais sobre pré cravaçao no link: http://3djoia.blogspot.com/2011/06/3ddica-cravacao-pave.html
Todas as informações geradas e obtidas possibilitam a antecipação de problemas devido à possibilidade de visualização do projeto antes mesmo de sua produção. Muitas vezes, a utilização do Render (uma imagem fotorealistica gerada pelo computador) ainda permite que o modelo seja comercializado antes mesmo de ser produzido.




USINAGEM 
http://www.artcamjewelsmith.com
 Fresadora (CNC):  
O termo usinagem ou maquinagem, designa todo processo mecânico onde a peça é o resultado de um processo de remoção de material. 
Usinagem significa submeter um material bruto à ação de uma máquina e/ou ferramenta, para ser trabalhado.
As fresadoras CNC funcionam como tornos multifuncionais que podem fazer prototipagem rápida nos mais diversos materiais.

A cera pode ser usado para produzir a peça final, ou para criar um modelo para alta escala de produção.







Fontes de pesquisa para este post /Veja mais:

Nenhum comentário:

Postar um comentário